Faculdade de tecnologia CNA leva estudantes à empresa rural referência em suinocultura

15/06/2015

Estudantes do terceiro período da graduação em Agronegócio da Faculdade de Tecnologia CNA visitaram no último sábado, 13/06, a granja de suínos Miunça, como parte das atividades desenvolvidas nas disciplinas Cadeias Produtivas I - Propriedade Agrícola e Produção além do Projeto Integrador, que alia a prática à teoria. Oportunidade oferecida pela faculdade para os alunos conhecerem os sistemas das cadeias produtivas e as diversas possibilidades de atuação no setor agropecuário.

Localizada no Programa de Assentamento Dirigido do Distrito Federal (PAD-DF), próximo à Planaltina, a granja é referência no Brasil. É a primeira a ter a Maternidade Bem-Estar, com tecnologia austríaca, em que o sistema de gestação coletiva permite que a alimentação seja controlada por meio eletrônico. A propriedade produz 27 tipos de dieta e cada animal recebe a quantidade exata de alimento e de nutrientes que precisa.

Os universitários foram recebidos pelo gerente geral, Wilson Aparecido Silva, e pelo gerente de crescimento, Valdemir Maria Martins, que apresentaram informações sobre o manejo dos animais e as tecnologias de ponta empregadas para a produção de suínos, bem como os sistemas de gestão usados para o bom funcionamento da empresa rural que a tornaram pioneira em algumas técnicas no Brasil, como a inseminação pós-cervical.

A coordenadora da graduação em Agronegócio, professora doutora Fernanda Sguizzato de Araújo, reforça a importância de atividades como essa para a formação acadêmica. “Além de vivenciarem na prática, questões relevantes para o sucesso da gestão rural é uma grande oportunidade para eles conhecerem uma propriedade que emprega alta tecnologia. Considerada a primeira granja do Brasil em produtividade e primeira a adotar a gestação fora de gaiolas desde 2010”, enfatiza Fernanda.

A tecnificação e os cuidados sanitários empregados na granja chamaram a atenção da estudante Ana Cláudia Avena da Cruz. “A alimentação dos suínos produzida pela própria granja, em outra propriedade rural, e a reutilização da água dão a dimensão do nível de organização. São tantos cuidados que só um alto nível de gestão é capaz de explicar”, afirma Ana Cláudia, complementando que o desenvolvimento tecnológico utilizado salta aos olhos.

O professor da Faculdade de Tecnologia CNA, Bruno Barcelos Lucchi, que também é Superintendente Técnico da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) acompanhou o grupo de alunos. “Aliar atividades acadêmicas com a experiência prática do setor produtivo é essencial para formação de futuros profissionais do agronegócio”, reitera Bruno, afirmando que, “a visita a Granja Miunça proporcionou uma grande experiência aos alunos, por associar inovação tecnológica a um bom processo gerencial”.

Assessoria de Comunicação do SENAR
(61) 2109-1332
www.senar.org.br
www.facebook.com/SENARBrasil
www.twitter.com/SENARBrasil