Aplicativo dá suporte na gestão das atividades leiteiras em MS

22/07/2014

A tecnologia se fortalece como um dos principais fatores no desenvolvimento do campo brasileiro. Com equipamentos agrícolas cada vez mais sofisticados, o uso do computador e de aplicativos móveis é cada vez mais comum nas atividades agropecuárias. Nesse cenário, os produtores de leite de Mato Grosso do Sul contam a partir de agora com um software desenvolvido para melhorar a gestão da propriedade.

Desenvolvido pelo SENAR - Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, o programa será disponibilizado aos participantes do Programa Mais Leite, iniciativa da entidade como foco na gestão da propriedade com objetivo de desenvolver a produção e, consequentemente, a cadeia do leite no estado.  

Já utilizado em outros Estados, o aplicativo chegará até o produtor rural através dos técnicos do SENAR/MS, com a operacionalização por meio de tablets e treinamento para utilização da ferramenta. "O software tem  cunho gerencial, levando orientação técnica ao produtor e subsidiando a tomadas de decisões. Além disso, dinamiza o trabalho do instrutor com o registro de dados mais eficaz", avalia o coordenador do Projeto de Assistência Técnica e Extensão Rural do SENAR Central, Matheus Ferreira.

Técnica do Programa Mais Leite na região de Terenos, a zootecnista Carlinda Rezende confia que a chegada da nova ferramenta de trabalho tornará o registro de dados mais preciso. "Será um aliado para o dia-a-dia no campo, excluindo a necessidade de anotações em planilhas de papel e contando com a agilidade da tecnologia", considera. O supervisor do programa, Marcelo Bevilacqua, também enfatiza a possibilidade de melhores resultados por meio do software. "Toda iniciativa de melhoria da gerstão é relevante e esta, além de fornecer suporte ao produtor dá suporte para o técnico, permitindo maior fidelidade no cruzamento de dados", avalia.

Sobre o Mais Leite – O Programa de Assistência Técnica e Extensão Rural, do SENAR/MS, oferece visitas técnicas mensais e capacitações com o objetivo de promover ações nas áreas econômica, social, ambiental e assessorar os processos de gestão do negócio. Iniciado em abril de 2014, o Programa Mais Leite atende atualmente 469 produtores nos municípios de Anaurilândia, Bonito, Campo Grande, Chapadão do Sul, Coxim, Glória de Dourados, Laguna Caarapã, Maracaju, Paraíso das Águas, Ponta Porã, Rio Verde, Sidrolândia e Terenos.

Assessoria de Comunicação do SENAR-MS
www.senarms.org.br